Limites de vibrações em ventiladores 7

Limites de vibrações em ventiladores

Este artigo apresenta os limites de vibrações em ventiladores de acordo com o definido na norma ISO 14694 : 2003 Ventiladores para fins gerais – Parte 7: Especificações para equilibragem e vibrações.

Este artigo faz parte de uma série de artigos incluídos no suporte do Curso sobre Limites de Vibrações

Esta norma fornece especificações para os limites de vibração e equilíbrio de ventiladores para todas as aplicações, exceto aquelas projetadas exclusivamente para circulação de ar, por exemplo, ventiladores de teto e ventiladores de mesa.

Esta norma é a que se deve seguir de acordo com as indicações dadas na ISO 10816-3:2009.

Aplica-se a vibrações relativas e vibrações absolutas.

Quando se efetua analise de vibrações em ventiladores, no âmbito de um programa de manutenção preditiva, com um analisador de vibrações é muito importante avaliar corretamente o seu estado.

2 A norma ISO 14694 : 2003 Ventiladores para fins gerais – Parte 7: Especificações para equilibragem e vibrações.

Onde se aplica:

  • Esta Norma Internacional fornece especificações para os limites de vibração e equilíbrio de ventiladores para todas as aplicações, exceto aquelas projetadas exclusivamente para circulação de ar, por exemplo, ventiladores de teto e ventiladores de mesa.
  • No entanto, é limitado a ventiladores de todos os tipos instalados com uma potência inferior a 300 kW ou a um motor elétrico padrão disponível comercialmente com uma potência máxima de 355 kW.
  • Para ventiladores com potência superior a isso, os limites aplicáveis são aqueles dados na ISO 10816-3.
  • Esta norma destina-se a cobrir apenas o equilíbrio ou vibração do ventilador e não leva em consideração o efeito da vibração do ventilador no pessoal, equipamento ou processos.
  • Esta Norma cobre equipamentos de ventiladores com rotores rígidos, geralmente encontrados em: aquecimento comercial, ventilação e ar condicionado, processos industriais, ventilação de minas / túneis e aplicações de geração de energia.

Onde não se aplica:

  • Ventiladores exclusivamente para circulação de ar,
  • Ventiladores de teto
  • Ventiladores de mesa
  • É limitada a ventiladores de todos os tipos instalados com uma potência inferior a 300 kW ou a um motor elétrico padrão disponível comercialmente com uma potência máxima de 355 kW.

3 Limites de vibrações em ventiladores – Categorias de aplicação de equilíbrio e vibração

De acordo com esta norma o projeto/estrutura de um ventilador e sua aplicação pretendida são critérios importantes para categorizar os muitos tipos de ventiladores em termos de graus de equilíbrio e níveis de vibração. Também, a Tabela 1, a seguir apresentada, foi compilada para fornecer categorias nas quais os ventiladores podem ser colocados para fins de classificação o tipo de aplicação em relação aos limites aceitáveis de equilíbrio e vibração.

Limites de vibrações em ventiladores 3

4 ISO 14694 – Limites de vibração em ventiladores

4.1 Vibrações relativas

As recomendações para limites de vibrações medidas com sensores de deslocamento relativo são os que se podem ver a seguir.

Limites de vibrações em ventiladores 4

A excentricidade combinada (run-out) mecânico e elétrica do alvo da sonda no material do veio no ponto de medição, não deve exceder 0,0125 mm pico-pico ou 25 % do valor inicial/deslocamento de vibração satisfatório, o que for maior.

Estes níveis referem-se à velocidade e condições de projeto.

Exemplo

Diretrizes recomendadas para chumaceiras de pelicula de óleo de diâmetro nominal de 150 mm com uma folga interna horizontal de 0,33 mm

Limites de vibração relativa do eixo:

  • Arranque/satisfatório = (0,25 × 0,33 mm) = 0,0825 mm pico a pico
  • Alarme = (0,50 × 0,33 mm) = 0,165 mm pico a pico
  • Paragem= (0,70 × 0,33 mm) = 0,231 mm pico a pico

4.2 Vibrações absolutas – Testes na oficina do fabricante

Os limites de vibração mostrados na Tabela 4 aplicam-se a ventiladores montados. Os valores mostrados são a velocidade, em milímetros por segundo (mm/s).

São valores filtrados, na frequência de rotação do ventilador e devem ser tomadas nas chumaceiras do ventilador.

Limites de vibrações em ventiladores 5

4.3 – Vibrações absolutas – Limites de vibração do ventilador para operação in situ

Os níveis de vibração na Tabela são diretrizes para a operação aceitável de ventiladores nas várias categorias de aplicação. Os valores mostrados são para medições não filtradas feitas nas chumaceiras e são medidas em velocidade em milímetros por segundo (mm/s).

Limites de vibrações em ventiladores 6

Na figura a seguir apresentada podem-se ver a representação gráfica da tabela atrás apresentada.

Limites de vibrações em ventiladores 7

Similar Posts

2 Comments

Comments are closed.